Como preparar seu pet para a chegada de um bebê!

By 29 de março de 2016 Dicas & Curiosidades No Comments

A família vai aumentar, um bebê a caminho, todos felizes, contentes, uma correria. Escolhe o nome…decora o quarto…chá de fraldas…padrinhos e madrinhas. Mas e os pets como ficam? O que fazer agora? Com a chegada de um bebê a rotina familiar fica bastante alterada, nos primeiros dias os pais passam dias e noites envolvidos nos cuidados com o novo integrante da família. Muitas vezes os animais de estimação acabam ficando de lado, tristes, deprimidos, mas com organização e preparo todos podem ficar tranquilos e preparados.

A organização da nova rotina e o preparo do pet deve iniciar ainda com o bebê na barriga da mãe. Ao montar o quartinho do bebê leve o cão ou gato para conhecer o ambiente, não faça com que este cômodo seja um local proibido, isso vai gerar mais estresse. Leve-o até lá, mostre os novos móveis, o deixe cheirar e explorar todo o ambiente. Se quiser que ele não tenha livre acesso ao cômodo sem problemas, deixe a porta fechada, mas faça-o visitar essa parte da casa com regularidade.
Organize a rotina de passeios com antecedência. Quem vai passear com o cão quando o bebê chegar? Monte uma escala, convoque a família, funcionários ou algum vizinho de confiança. Não é possível? Contrate um passeador. O importante é o cão ter sua rotina mantida, pois os passeios diminuem o estresse que ele está sendo submetido.
Antes da chegada do bebê leve o animal de estimação ao veterinário. Atualize vacinas e vermífugos. Deixe exames de rotinas prontos. Verifique a saúde bucal, será que não é hora de realizar uma profilaxia dentária? Como está o antipulgas? Tem ração para os próximos dias? Tente se programar para evitar surpresas na última hora.
Chegou o grande dia, o bebê está chegando. Organize a rotina, leve o pet para um hotel de confiança ou convoque alguém para ficar em casa com ele, enquanto a família estiver no hospital. Após o bebê nascer leve uma roupinha para ele cheirar. Antes de levá-lo para casa de um bom banho, evite usar perfumes, o bebê pode ser sensível. Ao chegar em casa deixe o pet conhecer e cheirar o bebê. Tente passar calma e confiança. E lembre-se de abrir um espacinho em sua agenda para seu cão ou gato, alguns minutos por dia só para vocês, para dar e receber carinhos, carregar a bateria dos dois com amor e alegrias.

assinatura_artigo_carin